Vamos iniciar na próxima semana, dia 23 de maio, as inscrições para a nona edição do programa Lemonade. Pensando nos novos empreendedores, que muitas vezes não sabem alguns termos comumente usados em nosso dia a dia, vamos fazer aluns “posts-pílulas” comentando conceitos importantes.

Já falamos sobre empreendedorismo e agora: afinal, o que é startup?

Na verdade o que eu acho mais importante do que entender o conceito, é conseguir captar a essência dessa forma de empreender. Até mesmo porque, muitos são as definições atribuídos ao termo.

Uma empresa em seu estágio inicial pode ser, ou não, uma startup. Mas e a inovação, onde fica? Dificilmente uma empresa consegue criar um negócio completamente diferente dos já existentes, mas um negócio que de forma diferente das soluções presentes no mercado, trabalhando de forma inovadora,  com uma base tecnológica e que soluciona as dores reais encontradas na sociedade, é uma startup!

Aluir Dias, coordenador executivo do programa Lemonade, conta que uma startup é mais do que uma ideia nascente, é uma empresa que envolve inovação, que trabalham em cima de um mercado desconhecido e tem alta escalabilidade. Uma característica forte é que elas conseguem crescer rapidamente, sem necessitar de muito investimento e conseguem ter um desempenho muito maior do que uma tradicional, devido ao fator de inovação e escalabilidade.

Carnelutti Spinelli, agente de pré aceleração do programa Lemonade, acredita que o termo startup vai muito além da parte conceitual, do comportamento disruptivo, perfil de crescimento acelerado e que envolve escalabilidade. A ideia está muito mais ligada ao comportamento. O empreendedor que opta por investir em uma startup é muito mais ousado. Principalmente quando falamos no processo de conhecer o cliente. Diferente do perfil de grandes empresas, que antes mesmo de lançarem seus produtos já investem em desenvolvimento, uma startup se constrói sem grandes recursos. Carnelutti comenta que elas normalmente saem de uma situação de imprevisibilidade do cenário econômico. Para completar e as diferenciar das empresas comuns, startups buscam melhorias constantes, costumam ter um contato próximo com seu cliente e formam equipes multidisciplinares, já que trabalham com grupos enxutos.

Viu como tudo fazer sentido? Ou seja, não importa os conceitos ou se há uma única definição do que se trata uma startup. O importante é que você entenda como essas empresas funcionam, seus objetivos s filosofia. Mas principalmente que se arrisque e empreender! E nós, do Lemonade, estamos aqui, para te ajudar a transformar sua ideia em negócio!

Fique atendo às novidades e não perca os prazos dos eventos e inscrições!

Inscrição para o programa: https://goo.gl/3tkpW2
Regulamento do programa: https://goo.gl/FUHKvj

Até a próxima! 🙂

Bárbara Santos